Malverde no México, Bem Verdinha no Brasil

03/05/2011 por blogdojua

México tem santo exclusivo para traficantes

Robin Hood lá e Xerife de Nottinghan cá

Está certo, no mundo tem mais santo do que no vocabulário de Robin, o assistente de Batman. Santa fé! Santos surgem de acordo com a época e, sobretudo, com as conveniências. Santa coincidência! Há até um santo para narcotraficantes, cognominado Santo Malverde. Santo Jésus Malverde, tendo no México o seu santuário e o maior número de seguidores. E deve ser dos bons, narco vem ganhando fácil. Santa Incompetência!

Resultado de imagem para Santo Jésus Malverde

Ainda não conheço um santo para os viciados em drogas, mas, Malverde, de acordo com a crença, atende a todos, com preferência pelos fornecedores. Afinal, também são filhos de Deus, assegura a Bíblia, sendo adotado como patrono protetor do narcotráfico. Como no Brasil sua santidade ainda não é reconhecida, as drogas espalham-se pelos palácios, Câmaras e tudo quanto se denomina poder e autoridade. Uma praga.  Santa maldição!

Criado à semelhança de Robin Hood, o mitológico ladrão inglês que nos tempos de Ricardo Coração de Leão roubava dos ricos para dar aos pobres, Malverde está complentado 100 anos. Surgiu no auge da Revolução Mexicana e seu séquito cresce assim como os templos de adoração numa época em que o México se destaca mundialmente pelas seguidas chacinas relacionadas às drogas. Santa bizarrice!

Resultado de imagem para Robin Hood

 Bemverde, santo protetor dos podres poderes nacionais

O Brasil, tido e havido como o País mais Católico Apostólico Romano em todo o Mundo, tem dificuldades em ter seus santos reconhecidos. Não se tem certeza tratar-se de preconceito dos europeus. Santa intolerância! Ou porque não convém que um povinho miscigenado frequente os mesmos caucásicos, eclesiásticos e santificados palácios. Dessa forma, cria os seus próprios milagreiros. Alguns, pouco populares, mas muito atuantes.

A elite do País venera o não muito conhecido, mas atuantíssimo Santo Xerife de Nottinghan, aquele que tira dos pobres para dar aos ricos.  É o Santo protetor do tráfico de influência, das drogas, dos nababos e poderosos. Alcunhado Bemverde. Santa pecúnia!

Resultado de imagem para Xerife de Nottingham

Nosso santo encarna o eterno perseguidor de Robin Hood e seu maior prazer é criar, inventar e cobrar impostos da plebe ignara. Entre o seus principais milagres, não reconhecidos oficialmente, destacam-se sumiço e desvios de verbas públicas; aparecimento de dinheiro em meias, cuecas, calcinhas, cintos, cintas, sutiãs, jardins e em tudo quanto é lugar erótico e exótico, desde que usados ou ocupados por ricos, opulentos e alvos colarinhos. Santa lavanderia!

Dizem que  há testemunhos garantindo, mas nunca comprovando – nem com reza brava – que Santo Xerife de Nottinghan, o Bemverde, é capaz de falsificar pesquisas, superfaturar obras, comprar votos, fraudar processos, e tantos outros atos milagrosos. As autoridades justificam asseverando que tudo é porque o povo tem fé demais. Santa fedentina!

Aos contestadores, o argumento de que o povo tem fé de menos. Santa hipocrisia! Não fosse isso, já teria reconhecido os milagres das indenizações milionárias; os milagres das privatizações; os milagres das mentiras; os milagres dos falsos discursos; os milagres da corrupção; os milagres da doação de terras; os milagres das Ongs; os milagres da autossuficiência em petróleo; e tantos milagres que só com milagre para se lembrar de todos. Santa reminiscência!

Mas um milagre é reconhecido até pelos mais céticos. O milagre da memória curta. De tão milagroso, de dois em dois anos a população infiél zera totalmente a memória e concede a volta para o pedestal, para o trono real, para os templos sagrados do Santo Xerife de Nottinghan, à imensa comitiva de fiéis sectários do Santo milagreiro brasileiro, O Bemverdinha. Santa bandalheira!

Com fé demais, todos os milagres se repetem para o bem de todos e felicidade geral da canalhada.  Per omnia saecula saeculorum. Amém!

Santa Patifaria!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s