As rapinagens do Rabino e o Anel de Giges

A moral, invisível, é capaz de tudo o que combate

em público. Com bravatas e gravatas

As rapinagens do Rabino flagrado com gravatas furtadas nos Estados Unidos nos soam como os casos de escândalos sexuais na Igreja. Mais um escândalo envolvendo quem, até então, era exemplo do lado sadio da humanidade. Literalmente falando.

Efeitos medicais a parte, o ato teria sido motivado pela sensação de não estar sendo vigiado?
Aí, entra a questão moral. O fez porque se julgou invisível? Não, por que os seus princípios, mesmo religiosos, o impediam?

Em a República, Platão relata sobre um anel mágico encontrado por um pastor. Basta virar a pedra do anel para dentro da palma da mão para se tornar totalmente invisível, e virá-la para fora para ficar novamente visível. É o Anel de Giges.

Resultado de imagem para rabino gravatas furto
Encontro de mãos leves

Giges, que antes era tido como um homem honesto, não foi capaz de resistir às tentações: aproveitou seus poderes para entrar no palácio, seduzir a rainha, assassinar o rei, tomar o poder, exercê-lo em seu único e exclusivo benefício…

O narrador conclui que o bom e o mau ou os assim considerados, se diferenciam pela prudência ou pela hipocrisia. Pela importância desigual que dão ao olhar alheio ou por sua habilidade maior ou menor para se esconder. O justo e o injusto, o honesto e o desonesto, (…). “Se ambos possuíssem o anel de Giges, nada mais os distinguiria: ambos tenderiam para o mesmo fim”.

Isso equivale a sugerir que a moral não passa de uma ilusão, de uma mentira, de um medo maquiado de virtude. Bastaria poder ficar invisível para que toda proibição sumisse e que, para cada um, não houvesse mais que a busca do seu prazer ou do seu interesse egoístas.

O Rabino pode ter se julgado possuidor do Anel de Giges, portanto, a moral apenas pública. Invisível, é capaz de tudo aquilo que combate em público. Com bravatas e gravatas. Aí, entra a Madalena… quem atira a primeira pedra?

E você, o que faria com o Anel de Giges? COMENTÁRIO – 08-04-2007

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s